terça-feira, 19 de maio de 2009

ASSUSTADOR!

(que medo!) Acho surf um esporte sem graça. Não entendo as manobras e nem os seus nomes – para mim é tudo igual - mas tudo bem: gosto não se discute. O que não se discute também é que essas ondas gigantes são realmente assustadoras. Algumas delas chegam a medir até trinta metros de altura. Seria interessante ver uma dessas ao vivo. (se quiser ver mais fotos e mais vídeos - todos impressionantes - clique aqui. Dica da Jackie.) Assista ao vídeo.



Haja coragem!

11 comentários:

Jackie disse...

Fantástico, minha segunda paixão é o mar !!
Olha estas ondas aqui:

http://planetin.blogspot.com/2009/05/ondas-gigantes-maiores-ondas-mundo.html

Buonanno disse...

Jackie,

sabe que tive a maior dificuldade para achar uma foto que me agradasse? Pensei que seria mais fácil.

911 Turbo disse...

E ainda por cima,a profundidade nessas super ondas fica em centimetros....se tomar um caldo....dói hein....

Buonanno disse...

Eu acho que dependendo do tombo, dá para machucar bem feio mesmo.

911 Turbo disse...

Isso se a força da agua não te afogar primeiro...

Gilles 313 disse...

Talvez seja o esporte solitário mais perigoso do mundo porque não existe nenhum aparato de segurança.

Essas competições em ondas gigantes são espetaculares com os surfistas sendo rebocados por jetski até onde as ondas se formam.

É maravilhoso e os filmes existentes são de arrepiar,o pico mais importante é o de Jaws nos EUA.

Tá na lista pra ser feito um dia...nessa ou na próxima vida...

Gilles 313 disse...

Ah a competição chama-se Town in e a maior onda já ega o foi por um gajo chamado Laird Hamilton cuja história de vida passou no Sport Tv...boa Jackie!!!

Fernanda disse...

Credo!!!! Tô fora total! E ai? O cara sumiu?

Gilles 313 disse...

Levou uma "vaca" e deve estar tentando subir até agora....além do turbilhão de água geralmente a arrebentação das ondas ocorre em cima de corais..daí vc imagina os estragos...

Anônimo disse...

como diria o mineiro:
-" coisa de doido, sô"!

Speed disse...

Tmabém não entendo nada desse esporte, mas tenho o sonho de um dia surfar uma onda em pé, mesmo que seja na Praia Grande, onde costumava pegar muito "jacaré" quando era moleque.

Saudades daquelas férias de três meses em que a turma só voltava prá casa prá almoçar lá pelas 4 da tarde...