sábado, 2 de maio de 2009

RARIDADES

(por que vendeu?)David Blei é - ou talvez tenha sido - o maior colecionador de relógios Rolex do mundo. Não se sabe exatamente por que ele resolveu vender sua coleção de 114 modelos, todos de qualidade excepcional, muito raros e em excelentes condições. Realizado no final de março em conjunto com a casa Patrizzi, que é especializada em relógios de luxo, o leilão atraiu lances de mais de 200 pessoas presentes, além dos lances por telefone e Internet. Apesar da tão falada crise, esse evento demonstrou que a demanda por relógios de luxo permanece muito forte. Apenas dois modelos da bela coleção ofertada não foram vendidos e o valor arrecadado foi de mais de €2.700.000,00. Os destaques foram esses quatro modelos das décadas de 40 e 50 que alcançaram valores entre €197.000,00 a €96.000,00.

(Reprodução Classic Driver)

7 comentários:

Joel Marcos Cesetti disse...

Mais caro que carro de luxo!

dranger disse...

Esses Rolex são de matar ! Pena q só tenho um dos mais baratinhos.
Abr

Belair disse...

Tive um que ganhei de presente de uma autoridade, e que foi roubado por uma colombiana.Em Londres!!!Valia UMA NOTA!
Agora meu amigo,só made in China...

Quintal disse...

Há produtos que atingem um estágio superior de qualidade. Neste caso apesar do tempo não perderam a elegância. A exemplo do Belair, gostaria de ter um original também.
Quem sabe um dia o Credicard me "pesca" num Shoping e eu ganhe umas comprinhas...

roberto zullino disse...

Timex no pulso e Piaget fininho na gaveta.
Rolex é coisa de bicheiro.

911 Turbo disse...

Alias,fiu ontem no Shps Cidade Jardim e vi na vitrine o Daytona Cronograph....de ouro rosa,para dar para as mamães...R$ 86.700,00,mas podia parcelar em 5 de R$ 17.340,00....ai fica mais suave né...

Buonanno disse...

Ah, aí sim!