quarta-feira, 25 de novembro de 2009

PORSCHE PANAMERA

Apesar de não ser uma unanimidade no quesito beleza, o recém lançado Porsche Panamera vem ganhando inúmeros prêmios das revistas especializadas. Ele recebeu recentemente o cobiçado prêmio “Auto Trophy” na categoria Luxo, concedido pela revista alemã Auto Zeitung apesar de ter entrado no mercado somente em setembro de 2009. Esta eleição teve a participação de 104.442 leitores da revista. O Panamera recebeu 25,6% dos votos de sua categoria e derrotou outros 14 concorrentes. No começo de novembro, o Panamera já havia vencido o “Volante de Ouro” como “Melhor Novo Carro do Ano – Classe Luxo”, prêmio concedido pela revista alemã Auto Bild. Ele vem fazendo sucesso também em outros continentes, tendo vencido recentemente diversos prêmios internacionais. No Canadá, 70 jornalistas da área automobilística, agrupados na AJAC (Associação dos Jornalistas Automotivos do Canadá), escolheram o Panamera como “Melhor Carro de Prestígio”. Também no Canadá, o jornal Le Guide de colocou o Panamera como número 1 entre os “Carros de Prestígio”. Nos Estados Unidos, os editores da revista online Inside Line concederam ao Panamera o prêmio de “Carro Mais Desejado”. Na Grã-Bretanha, o Panamera foi agraciado com dois títulos significativos. A Vehicle Dynamics International concedeu os prêmios “Carro do Ano” e “Carro Mais Dinâmico do Ano” – este último, como resultado do perfeito balanço entre desempenho, estabilidade, conforto e dirigibilidade oferecido pelo Panamera.

(Reprodução - Stuttgart Sportcar - Dica do Bürger o maior porscheiro do Brasil)

4 comentários:

Francisco J.Pellegrino disse...

Pobre reclama de tudo, eu não gosto deste carro, pode receber os mais importantes premios possíveis e imagináveis...se eu tivesse muita grana, como o M, não compraria um bagulho destes....Reflita e pense para que serve um carro de uma marca predominantemente esportiva, com 4 lugares, vai levar as crianças aonde a 250 km/h, só se fôr para levar a sogra, o Regi vai adorar.

Buonanno disse...

Chicão,

Também não gosto desse carro, mas por uma única razão: acho muito feio.

Essa idéia de levar a sogra pode ser uma boa. Vamos ver se ele aprova.

regi nat rock disse...

Aprovo não.
A velha merece é ser conduzida pelos Doblô que fazem o transporte de esquifes aqui em Sampa. (em Santos ainda usam a perua Santana, putz é tão feia que nem lembro o nome).
Pensando bem, as carrocinhas puxadas a burro são suficientes para.
Põe a velha numa caixa de papelão, e joga no fogo. Pago satisfeito o frete e ainda vai de brinde uma carga de lenha pra garantir uma bela fogueira.

Mas essa Panamera tsc tsc tsc, eita carro feio e completamente sem graça.
Conseguiu um feito inédito qual seja ser pior que a Califórnia (a do vexame do montezemuanta), esta um erro indesculpável da Ferrari. Enzo deve estar espumando de raiva.

Migdonio disse...

Eu não concordo com você Chicão.
Um carro como o Panamera não é desenvolvido para o mercado tupiniquim, onde ele custa meio milhão de reais e é algo quase inalcançavel para 99,999% da população.
Na Europa o Panamera nada mais é do que o Civic SI é aqui no Brasil.
Ou seja o cidadão financeiramente estabelecido (não precisa ser milhonário para possuir um Panamera) tem um carro para levar os filhos, mas que quando sozinho pode lhe proporcionar um algo a mais em relação de desempenho e esportividade.